As mídias sociais digitais invadem o mercado empresarial

Cristielle Mara Pereira
Christian Schlögl
Carla Querubim

Com o avanço da tecnologia, as empresas sentem a necessidade de aproximação com seus clientes. A maioria das empresas, além de divulgar sua marca, quer conhecer os desejos e a satisfação do seu público. Por isso, muitas marcas investem em sites de relacionamentos entre outras mídias para divulgar e manter uma relação de proximidade entre a marca e o consumidor. Através da internet o consumidor passou a exigir mais de suas marcas favoritas. As pessoas, agora, acompanham os sites das empresas tanto para reclamar quanto para sugerir e opinar em melhorias para serviços e produtos.

Muitas empresas utilizam o Orkut para conseguir aproximação e admiradores. Através de um bom relacionamento, o consumidor sente-se parte da empresa, e acaba fazendo propaganda a favor, um exemplo são as comunidades Eu Amo Coca-Cola, Queremos Bis 200 Unidades, entre outras. O consumidor nesse caso faz marketing positivo para empresa, e quando não foi bem atendido, ou adquiriu um produto de péssima qualidade, faz críticas, o que de certa forma prejudica a imagem da empresa ou organização. Hoje o consumidor tem liberdade para trocar de marca, e as redes sociais interferem nas suas escolhas.

Outro exemplo acontece através do Twitter uma ferramenta de relacionamento que a cada dia possui novos seguidores. No Twitter, as empresas podem manter atualizadas novidades sobre suas marcas, promoções e lançamentos, mantendo uma relação de credibilidade com seu público. Hoje pode-se dizer que o Twitter está sendo mais utilizado que o email e o próprio Orkut. Marcas mundiais famosas como Nokia, Rede Globo, Submarino estão no Twitter.

Mara Costa e Silva, gerente de Marketing do Avon em Santa Catarina, garante que produtos de qualidade merecem atenção especial. “Não podemos simplesmente vender algo, precisamos acompanhar o resultado obtido. As pessoas quando adquirem um produto qualquer, estão acreditando em seus benefícios, e no mundo dos cosméticos há uma vasta gama de empresas, por isso é fundamental o uso de plataformas como o orkut e o twitter pela nossa empresa.”

A internet assume o papel de feedback espontâneo. A parcela de consumidores que procura a empresa é muito pequena, mas as opiniões são registradas a cada dia mais, nas redes de relacionamento. Silva diz que através desse contato, é possível reformular as fórmulas dos produtos ou mudar a aparência das embalagens. “É uma verdadeira pesquisa de mercado instantânea e atual.”

Simone Lopes é consultora de marketing e trabalha como autônoma fazendo consultorias para empresas de médio porte nas cidades de Itajaí e Navegantes.  Ela considera essencial para uma empresa a preocupação com a mídia, e a aproximação com seu público através das redes socias. “Ter contato com seu consumidor é uma maneira de se manter fiel a ele, e estar atento às suas necessidades.” O bom relacionamento com seu público, para ela, reflete diretamente na imagem da empresa, e hoje imagem é tudo.

As redes sociais são canais altamente poderosos para a realização de pesquisas sociais e de consumo. Hoje, o cliente procura formas para expor suas insatisfações e satisfações, e se uma empresa não possui esse canal ela acaba perdendo. As empresas de médio porte são hoje as que mais apostam nas redes sociais. Essas empresas são na maioria dos casos empresas com planejamento e organização, ou empresas futuristas com visão em longo prazo que esperam obtenção de lucros a cada cinco anos.

Confira aqui mais informações sobre empreendedorismo na internet.

Negócios na rede

Traçando um paralelo histórico com a prática comercial não faz lá tanto tempo assim que o homem se utilizava apenas do chamado escambo, a troca direta de mercadorias, corpo a corpo, cara a cara, até mesmo sem a utilização de moedas ou similares. Era produto/serviço por produto/serviço. Comparado a isso as novas formas de comunicação no Brasil chegam a parecer mágicas para os usuários que dela se utilizam para fazer negócios.

É o caso de Jorge Carlos Cerqueira, proprietário de uma empresa de representação em Cariacíca, no Estado do Espírito Santo. Perto de completar 60 anos não se intimida com as dificuldades ocasionais de quem viveu no que ele chama de, praticamente, outro mundo, em que nenhuma das facilidades e encurtamentos na distância e nas formas de comunicação ainda sequer existia. Para isso conta com a ajuda da filha Claudia Cerqueira.

Assim não apenas o contato com as representadas em várias partes do país, como uma empresa de pesca em Itajaí – SC, como com muitos de seus clientes o contato se dá quase que exclusivamente através de duas ferramentas: o MSN e o Skype; bloqueado em muitas empresas por considerar distração para os seus funcionários, o fato é que são quase imprescindíveis para reduzir custos de telefonia bem como agilizar os contatos.

Com Marcelo Jardelino de João Pessoa na Paraíba que também trabalha com representação comercial, a história é a mesma no caso das necessidades e usos da internet, no entanto até mesmo por sua geração estar habituada com isso não sente maiores dificuldades e até mesmo está habituado com todas as essas ferramentas que facilitam seu serviço. É jovem, tem um pouco mais de trinta anos como ele mesmo se anuncia e acompanhou de perto a evolução e o uso das tecnologias no mesmo ritmo. Ele usa quase que exclusivamente o MSN no seu trabalho. Usa o MSN como ferramenta de comunicação.

Não apenas esses exemplos de profissionais liberais, mas cada vez mais as pequenas e médias empresas, estão se familiarizando cada vez mais com as facilidades atuais no reino da comunicação virtual, aplicada para o desenvolvimento de seus negócios. É assim com Patrick Pierre Dauer de Itajaí que há dois anos vê o crescimento de sua gráfica ligada a utilização que faz desses recursos. Chega a garantir que 90% dos pedidos de trabalho que recebe bem como o retorno ao cliente e a finalização do serviço se dão por meios eletrônicos.

É assim que, utilizando o MSN (com função de chat no próprio site da empresa), ele facilita o contato com quem precisa, também usa o Skype e procura divulgar em todas as mídias que tem acesso a sua empresa, como Orkut, twitter, facebook e outras. Uma importante ferramenta usada em sua empresa, pelo ramo de atuação e tamanho de arquivos com os quais trabalha é o protocolo de transferência de arquivos conhecido com FTP, que permite a troca de arquivos entre servidores.

Também na faixa dos trinta anos cresceu junto com a atual revolução das máquinas no Brasil e elas já fazem parte do seu dia a dia, sendo o seu conhecimento praticamente considerado habitual. Ler seus e-mails diariamente, isso, ele compara a escovar os dentes por exemplo.

Com ele concorda Chaiane Simmler, uma Webdesigner de Itajaí, Santa Catarina, mas com clientes espalhados por vários estados do Brasil. No momento em que falava sobre as facilidades de comunicação, estava trabalhando também num projeto para um cliente de Belém do Pará. Duas ferrramentas que ela não dispensaria são o MSN e o Skype. Para ela, com a web 2.0 faz tempo que a Internet deixou de ser um mural de recados para ser uma poderosa ferramenta de marketing afinada com a identidade de uma empresa.

Marketing high-tech

Ir até onde o consumidor esta é uma máxima do marketing moderno. As redes sociais são o principal ponto de encontro de um internauta e, de toda a nova geração que tem a vida voltada para o contato com a internet. A IBM prevê que até 2012 serão 800 milhões de usuários. As empresas, para acompanhar a tendência, mergulharam no relacionamento on-line e estão incluindo em sua equipe o gestor de mídias sociais.

O profissional tem a função de identificar oportunidades e analisar qual a melhor forma de sua empresa explorar as mídias sociais que fazem sucesso na internet. Entre as funções descritas nas vagas para esta área estão o gerenciamento da marca na internet e a monitoração das principais mídias sociais. Os principais requisitos costumam ser formação em comunicação, marketing ou tecnologia, familiaridade com as ferramentas da internet e domínio da língua inglesa.

Uma pesquisa realizada pela NetProspect, em maio, faz um levantamento das empresas mais sociais da América. O critério da pesquisa considera o número de funcionários que exercem funções relacionadas diretamente às mídias sociais. O vencedor foi a Microsoft, com 306 colaboradores. O Google alcançou a quinta colocação, atrás de nomes como Walt Disney e eBay.

No mundo das pequenas e médias empresas ainda fica difícil ter um profissional exclusivo para o gerenciamento destas mídias. Por outro lado, não é por isso que o investimento nas ferramentas deve ser esquecido. Letícia Clivati, responsável pelas ações de comunicação e marketing da construtora Riviera reconhece a importância das redes sociais no relacionamento com os clientes de hoje. “Há um leque de opções de redes sociais e isso, de certa forma, ajuda a segmentar alguns perfis de públicos, e ainda facilita na hora de trabalhar com comunicação dirigida”.

No segmento de construção civil, Clivati ainda revela que a relação com o cliente é muito personalizada. Nesses casos, consultar o perfil de um possível comprador de imóvel para entender quem é e do que ele gosta pode ser uma carta na manga para conquistá-lo. Para ela, “com a competitividade de hoje no mercado, quanto melhor se conhece seu público, maior as chances de encantá-lo, e nesse ponto as redes são uma pesquisa de perfil espontânea”.

Para os pequenos empresários, que ainda não podem contratar um profissional especializado há alternativa. Softwares como o Scup ajudam a monitorar o nome de empresas e assuntos de interesse do pesquisador nas principais mídias. O programa ainda apresenta informações estatísticas e traz gráficos para análises. O próprio Scup mantém um blog com dicas para que os iniciantes possam aproveitar a internet como estratégia de negócio.

Confira mais informações sobre as principais redes sociais

Extras

Saiba o que é web 3.0 (em inglês)

Confira o áudio:

Glossário das Redes Sociais

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: